Banner do Blog

Louro básico e perfumado

Imagem do post
Ele está sempre presente no arroz-com-feijão do dia a dia. Com a cebola e o alho, faz parte do refogado básico dessas duas paixões nacionais. Quer dizer, a maioria costuma colocá-lo mais no feijão. Mas experimente também adicioná-lo ao arroz… Hummm, acredite: com o louro, seu arroz nunca mais será o mesmo.

Na hora de preparar o arroz branco soltinho, leve uma panela média ao fogo baixo. Quando aquecer, regue com o azeite e refogue a cebola, mexendo sempre por cerca de 2 minutos, até murchar. Tempere com uma pitada de sal e junte o louro. Pode retirar antes de servir.

No feijão caseiro, o louro também entra logo no começo: após o remolho, transfira os grãos para a panela de pressão, cubra com a água e junte as folhas de louro. Ah, alternativa ao feijão, a lentilha do dia a dia também leva uma pitada deste aromático - primeiro, refogue a cebola sem parar de mexer; quando começar a dourar, acrescente o alho, o cominho, o louro e a lentilha. Daí é só temperar com sal, pimenta-do-reino e misturar bem.

Sabe onde o louro também é fundamental? Nos caldos básicos que preparamos para sopas, molhos, risotos… Seja caldo de legumes, galinha ou carne, está lá o louro.

Espera que tem mais! Para não perder o louro fresco, coloque as folhas em uma assadeira e leve ao forno bem baixinho para secar... Você vai ver como a casa vai ficar perfumada.

Foto: Editora Panelinha