Banner do Blog

#PanelinhaCozinhaADois: a mesa dos namorados

Imagem do post

Teve receita de fondue com três acompanhamentos, teve receita de drinque e de sobremesa, post ensinando a escolher o vinho e o queijo, e até texto da Rita sobre a etiqueta da fondue. Faltou uma coisinha só para fechar o especial #PanelinhaCozinhaADois: um post sobre a montagem da mesa do Dia dos Namorados. Ah, ela é da maior importância!

Escolhemos os tons de rosa, a cor oficial do amore. O tom é apagado, mais elegante – aparece nas cerâmicas, nos guardanapos de pano e no cristal do drinque. Contrasta com o cinza das louças e linhos, e combina com o cobre da panela.

Flor tem que ter, né? Escolhemos angélicas, brancas e superperfumadas, e lisianthus, rosadas e tão delicadas.

Nossa mesa também tem simbologia (ah, se é pra ser kitsch...). Sobre cada prato vai uma trouxinha de tule amarrada com alecrim, contendo sal-rosa grosso. Soltas, duas pedras maiores, também de sal, decoram a mesa. E, num vasinho bem pequeno, um buquê de alecrim perfuma o encontro. Os ingredientes da decoração evocam proteção e renovação. Só falta fazer os votos (e, finalmente, servir essa fondue!).

Fotos: Editora Panelinha / por Ricardo Toscani