Banner do Blog

Receita pro fim de semana: boeuf bourguignon

Imagem do post

A ideia dos nossos encontros semanais aos fins de semana é aproveitar a cozinha como refúgio. Para isso, nada melhor do que preparar um ensopado, que fica horas na panela: dá tempo de o estresse e a correria ficarem para trás, e o foco se voltar para as panelas e o presente.

A receita pro fim de semana é um clássico: boeuf bourguignon. A receita clássica é caseira, só que das casas francesas, mais especificamente, na região da Borgonha. Por lá, vinho é um alimento do dia a dia, trivial, faz parte das refeições. Por aqui, é outra história – o vinho vai para a panela e dá ao ensopado um ar de ocasião especial.


CONHEÇA O PROJETO RECEITA PRO FIM DE SEMANA

RECEITA PRO FIM DE SEMANA: boeuf bourguignon

 

Ao longo da semana, você acompanha no @Panelinha_RitaLobo no Instagram e no grupo Receita pro Fim de Semana no Facebook a conversa em torno dos preparativos para cozinhar com a turma que aceitou esse convite. Aqui, encontra a lista de compras e os bastidores da receita e dicas da equipe da @CozinhaPanelinha

 
Lista de compras


- 1 kg de músculo
- 70 g de bacon
- 2 talos de salsão
- 2 cenouras
- 500 g de cebola pérola
- 3 dentes de alho
- 2 folhas de louro
- 6 ramos de tomilho
- 200 g de cogumelos-de-paris
- Vinho tinto (240 ml)
- Extrato de tomate (1 colher de sopa)
- Farinha de trigo (2 colheres de sopa)
- Azeite, sal, pimenta-do-reino e brotos de hortaliças para servir

Você vai precisar de

- 1 tigela grande
- 1 peneira grande ou escorredor
- 1 panela grande (que comporte no mínimo 4 litros)
- 1 travessa
- tábua, faca, colheres e xícaras medidoras

 

Bastidores da receita


Cada receita do Panelinha tem sua história. Para essa nova receita, a ideia era dar um ar contemporâneo a esse clássico da cozinha caseira francesa. Foram muitos testes até chegar na receita e apresentação finais do prato.


Cogitamos servir os cogumelos crus, como em uma salada. Mas um ensopado é todo quentinho, gostoso de comer com purê e tomando o que sobrou do vinho. Não combinava com uma salada toda fresquinha. Então miramos as cebolas. Em vez de cozinhar na mesma panela, elas ganharam tratamento especial. Passam por água fervente para soltar a casca e dar amaciada e depois vão para a frigideira, para serem grelhadas. Além de ficarem lindas e enfeitarem o prato, o tostadinho dá ainda mais uma camada de sabor a esse ensopado que já é todo  complexo.


Na hora de servir, depois de vários testes de montagem do prato, escolhemos o purê servido em  uma quenelle grande, feita com colheres de sopa (fique ligado nas redes sociais para aprender a fazer igual!). Aí é só encher as taças e brindar ao fim de semana.


Dicas da cozinha

A equipe da Cozinha Panelinha conta alguns segredinhos que fazem toda a diferença no preparo:

- Temperatura da carne: tire a carne e a marinada da geladeira antes de começar a preparar. Se ela estiver gelada na hora de ir pra panela, pode esfriar a panela e acabar cozinhando em vez de dourar.

- Doure a carne aos poucos: nunca vamos cansar de repetir! Risos. Não coloque toda a carne de uma vez. Ela não vai selar, vai cozinhar e ficar ressecada.

- Congele as sobras de vinho: sempre que sobrar um pouquinho de vinho (ou se você sabe que não vai usar a garrafa inteira), congele! Você pode ter uma forminha de gelo para congelar o vinho e quando ele estiver firme, transfere para um saquinho. O pulo do gato é medir quantos cubos de gelo formam uma xícara. Assim você sabe exatamente quantos cubos descongelar sempre que quiser usar.