Banner do Blog

A segunda fase da reforma do Estúdio Panelinha

Imagem do post

Já contei por aqui o tanto que adoro uma obra, né? Mas confesso que estou aliviada com o fim da segunda fase da reforma do Estúdio Panelinha. Pois é, a renovação dos banheiros e do camarim, que começou em dezembro do ano passado, está pronta!  


Segunda, às 13h, tem live no meu perfil no Instagram! Vou fazer um tour no Estúdio para você.

 

Em parceria com a Dexco, renovamos quatro ambientes: o lavabo, meu banheiro, o camarim e o banheiro do camarim. O projeto arquitetônico (como em todas as minhas reformas!) é do UNA BV


Tem post contando tudo sobre cada um dos ambientes no blog Cozinha de Estar. Além, claro, dos vídeos em que mostro o lavabo e o meu banheiro. (E ainda nesta semana tem vídeo novo, com o tour do camarim.)

 

Assista aos vídeos!


Cada espaço, uma característica única 

O lavabo tem alma de cozinha. Para dar as boas-vindas a quem chega e vai lavar a mão, quis trazer características que remetessem ao centro do nosso trabalho no Panelinha, a cozinha. 


O meu banheiro tem uma história interessante: quando eu estava terminando de escolher as peças e acabamentos da reforma, descobri que meu melhor amigo, o arquiteto Arthur Casas, desenhou uma linha para a Deca. A cuba e o misturador da linha do Arthur viraram o ponto de partida para o projeto do banheiro.

Para o camarim, o norte foi o minimalismo. Esse é um lugar em que passo muito tempo: é prova de roupa, maquiagem, cabelo… Queria um ambiente tranquilo e que também não influenciasse na escolha dos figurinos. O banheiro do camarim segue o mesmo clima e tem até chuveiro. Depois de longas diárias de gravação com muita cozinhança, fica todo mundo um pouco defumado e dá muita vontade de tomar uma ducha antes de ir pra casa. 

 


Quis contar para você como penso cada ambiente, porque não são escolhas convencionais. De alguma forma, as decisões quase contrariam a lógica da arquitetura. Quer ver um exemplo: as paredes do set de gravação têm um nicho por trás, como se fosse um corredor. É algo que não faria sentido em nenhuma casa, "perder um espaço". Mas no estúdio é fundamental: serve para armazenar os cenários de projetos que não estão em produção.

  

Por sorte, o arquiteto de todos os meus projetos é também meu irmão! A gente está acostumado a discutir ideias desde sempre. Ele traz soluções para o espaço que, nem se eu ficasse horas quebrando a cabeça, não conseguiria. Por outro lado, conheço as especificidades de uso de cada espaço.

 

Quer ver outro exemplo? Todo arquiteto, quando pensa um ambiente, busca maneiras de aumentar a incidência de luz natural. No nosso caso precisa ser o contrário! Para gravar, é preciso controlar a luz. Por isso, precisamos eliminamos várias janelas do set de gravação. 

 

Os ambientes do Estúdio Panelinha parecem os mesmos de uma casa (cozinha, sala de jantar, banheiro), mas têm usos muito diferentes. A cozinha de testes, apesar de ter eletrodomésticos de uso residencial, acomoda cinco pessoas diariamente preprando receitas das nove da manhã até às seis da tarde. Ela precisa ter um piso específico para que ninguém escorregue! Em casa, eu não colocaria um lavatório de cabelereiro, como o que tem no banheiro aqui. Mas tudo tem um porquê: em uma mesma diária, uso muitos figurinos e troco de penteado várias vezes. Chega uma hora que o cabelo não aguenta mais mudança, é preciso lavar e começar de novo.

Agora uma coisa é igual a qualquer casa: os ambientes precisam ser acolhedores. Passamos muito tempo aqui, eu e toda a equipe. Além de funcionar tecnicamente, os espaços precisam ser agradáveis, aconchegantes, pra todo mundo trabalhar feliz.


O legal de dividir com você essas escolhas e essas histórias é que além de mostrar ideias pontuais, como uma combinação de cor ou um revestimento de parede, também tenho a chance de compartilhar um processo, uma maneira de pensar. No fundo, a ideia é mostrar como fica mais fácil fazer escolhas quando você conhece bem o uso de cada espaço, assim você evita as soluções pensadas para a média do mercado e encontra aquela que faz sentido para o seu ambiente.