Imagem da receita

Tapioca

Clássico brasileiro do café da manhã, a tapioca é versátil que só! Fica uma delícia com manteiga, goiabada, geleias, queijo derretido, mel... O segredo é ter sempre a goma já hidratada na geladeira. Assim, pela manhã, é só sacar a frigideira e preparar a panquequinha.


AutorPanelinha

Tempo de preparoMais de 2h

Serve10 porções


Ingredientes

  • 2 ½ xícaras (chá) de polvilho doce (cerca de 250 g)
  • 2 xícaras (chá) de água filtrada

Modo de preparo

  1. Coloque o polvilho doce numa tigela e cubra com a água. Misture com uma colher para dissolver o polvilho, cubra com filme e deixe de molho, na geladeira, por cerca de 8 horas (se preferir, prepare da noite para o dia) – o polvilho vai absorver a maior parte do líquido e ficar com a aparência de gesso molhado.
  2. Escorra a água que ficou na superfície – pode virar a tigela sem medo, a goma fica grudada no fundo. Coloque um pano de prato limpo sobre a goma e deixe por alguns minutinhos para absorver o excesso de umidade.
  3. Com uma colher, quebre a massa em pedaços e passe por uma peneira – o resultado é uma farinha úmida, sedosa, que modela ao ser apertada. Se quiser, tempere com sal a gosto.
  4. Para preparar as tapiocas, leve um frigideira pequena antiaderente ao fogo médio. Dica: para saber se está quente o suficiente, salpique um pouco da farinha – ela deve pular depois de alguns segundos. Abaixe o fogo e peneire uma porção da farinha até formar uma camada uniforme sobre o fundo da frigideira.
  5. Deixe cozinhar por cerca de 30 segundos de cada lado até firmar. Sirva a seguir com lascas de coco, goiabada, queijo meia-cura ou manteiga.

Deixe no jeito

Você pode armazenar os pedaços de goma ou a farinha peneirada na geladeira por até 1 semana num pote fechado. Se preferir, armazene as porções no congelador por até 1 mês - para utilizar a goma retire a porção do congelador e deixe na geladeira da noite para o dia; já a farinha peneirada vai direto do congelador para a frigideira.

Sugestão de
cardápio