Imagem da receita

Molho pesto com castanha-de-caju

Quem tem pesto pronto tem jantar expresso (e saboroso) garantido. É só cozinhar o macarrão e misturar ao molho. É comida de verdade com sotaque italiano e esforço mínimo. Esta receita é com castanha-de-caju, mais fácil de encontrar (e mais em conta) do que o tradicional pinoli.


AutorPanelinha

Tempo de preparoPá-Pum

Serve9 porções


Ingredientes

  • 2 xícaras (chá) de manjericão
  • ½ xícara (chá) de castanha-de-caju torrada e sem sal
  • 1 xícara (chá) de queijo parmesão ralado (cerca de 100 g)
  • 2 dentes de alho
  • 1 ½ xícara (chá) de azeite
  • sal a gosto

Modo de preparo

  1. Lave e seque bem as folhas de manjericão. Descasque os dentes de alho. 
  2. No processador de alimentos (ou liquidificador) bata primeiro o azeite com as castanhas, os dentes de alho e o queijo parmesão até triturar. Junte as folhas de manjericão e bata novamente até formar um molho – quanto menos você bater as folhas, mais verdinho o molho fica. 
  3. Acerte o sal e utilize a seguir. Este molho é perfeito para comer com polenta, macarrão caseiro ou dar um toque no frango grelhado do dia-a-dia.

 

PARA ARMAZENAR

O molho pesto pode ser armazenado na geladeira por até 15 dias. Importante: depois de transferir para um pote com fechamento hermético, cubra com uma camada de azeite – assim o manjericão não oxida.


Pode congelar

Congele na forminha de gelo (cada cubinho dá para uma pessoa). Para descongelar: coloque o(s) cubo(s) de pesto congelado numa tigela e leve para rodar por 1 minuto no micro-ondas, em potência baixa, mexendo com uma espátula na metade do tempo.