Banner do Blog

Maionese: tem que ser caseira. A gente explica por que, e ensina como

Imagem do post

Maionese é bom demais, demais. A magia dessa emulsão acontece quando a gente bate gemas com vinagre, sal, mostarda e óleo. O método tradicional é o famoso força-no-muque: com batedor de arame em mãos, e muito braço em ação, a mistura vai tomando forma. Mas também dá para preparar no liquidifcador e até mesmo no mixer – em coisa de segundos.

E o resultado é um molho saboroso, com uma textura única, que a versão ultraprocessada tenta imitar, mas não consegue.

E, olha, eliminar o pote de maionese ultraprocessada da porta da geladeira não é uma empreitada muito difícil. Com a receita da maionese de mixer você pode preparar maionese fresquinha sempre que quiser. A maionese dura até três dias na geladeira, contando o dia em que foi produzida. Mas o ideal é preparar o que você vai usar no mesmo dia. Com o tempo você vai ver que não precisa ter um potão de maionese na porta da geladeira.


Foto: Editora Panelinha / por Ricardo Toscani