Banner do Blog

Colher de pau: monte seu arsenal

Imagem do post

Nós começamos esse especial #UtensiliosDeDesejo com a diva pop do #AcervoPanelinha, a espátula de padeiro. E encerramos hoje com a rainha-mãe de todos os utensílios, a colher de pau.

A essa altura, já deu para perceber que todo mundo aqui no #EstudioPanelinha andou lendo o livro Pense no garfo, da inglesa Bee Wilson. Apesar do nome, ela abre o livro falando da colher. Olha que coisa mais linda:
“A colher de pau não tem uma aparência de especial sofisticação, mas tem a ciência a seu lado. A madeira não é abrasiva e, por isso, é gentil com as panelas – você pode raspá-las sem medo de ferir a superfície metal. Não é reagente: você não precisa se preocupar com a possibilidade de que ela deixe um sabor metálico ou de que sua superfície se degrade em contato com a acidez de frutas cítricas ou tomates. Também é má condutora de calor, razão pela qual você pode mexer uma panela de sopa fervente com uma colher de pau sem queimar as mãos. No entanto, mais do que por sua funcionalidade, cozinhamos com colheres de pau porque sempre o fizemos. Elas são parte de nossa civilização.”

Na prática
Bom, para começo de conversa, você vai precisar de pelo menos duas (supondo, se isso for possível, que você não tenha nenhuma). As melhores são as de bambu – menos porosas. Escolha uma bem achatada para refogados e uma mais côncava, com mais jeitão de colher mesmo, para preparos caldosos. Cabos longos diminuem a chance de queimaduras (deixam mão e braço mais distantes do fogo). E reserve as colheres de pau para os preparos salgados – elas pegam gosto (você não quer toque de alho no brigadeiro…) e para preparos doces a prima modernosa da colher de pau vai melhor.

Estamos falando da espátula de silicone. Pode começar com uma só (ela não pega gosto). A maior habilidade da espátula de silicone é desgrudar, raspar bem raspadinho, deixar tudo lisinho. Olhe bem para a espessura da borda da parte de silicone: quanto mais fina ela for, mais ela vai ser eficiente na tarefa de desgrudar.

Espátula nova? Precisa inaugurar em grande estilo. Dá uma olhada nesse vídeo:




Deu mais vontade de doce? Receitas para gastar a espátula:
Calda de caramelo com leite
Omelete

Foto: Editora Panelinha / por Ricardo Toscani