Banner do Blog

5 motivos para você ir à feira

Imagem do post

Faz tempo que você não vai à feira? Normal. Quem vive na rotina de uma cidade grande acaba perdendo esse costume e compra legumes, hortaliças, raízes e frutas no supermercado. Sem problemas, o importante é basear a alimentação nesses itens, os chamados alimentos in natura. Mas: a feira tem muitas vantagens.

1. Lá só tem fruta, legume e verdura
Quando você vai à feira, volta pra casa com a sacola cheia de frutas, legumes e verduras, porque é isso que tem à venda nas barracas. Já quando você vai ao supermercado, os alimentos in natura disputam atenção com os ultraprocessados, imitação de comida. Você pode, por puro hábito ou distração, comprar suco de caixinha em vez de laranja, molho de tomate em vez de tomate e manjericão, lata de seleta de frutas em vez de batata, cenoura e vagem.

2. Mais frescos e mais baratos
Na feira, os alimentos tendem a estar mais frescos e quase sempre são mais baratos – especialmente se você for no fim da feira, a xepa.

Exagerou na compra? Não desperdice, congele!

3. Variação
A oferta de alimentos na feira é mais impactada pela safra dos alimentos. Com isso fica mais fácil variar a alimentação. Basta ficar atento ao que aparece nas barracas e conversar com os feirantes. Aliás, os feirantes são um patrimônio.

4. Ouça o feirante
O feirante é uma fonte super confiável e rica de informações sobre os alimentos e ajuda muito no planejamento da semana de quem está começando a aprender a escolher frutas e legumes (vamos falar mais sobre isso aqui nos próximos dias).

5. Convite ao planejamento
A feira tem dia pra acontecer. Com isso, ela convida você a organizar a sua semana. Planeje um cardápio, prepare a lista de compras e faça a experiência. Veja o que funcionou e o que não funcionou e comece a fazer adaptações. A melhor lista de compras é aquela que acomoda as necessidades da sua casa e o único jeito de elaborar essa lista é testando.

Na prática
Conseguimos convencer você? Boa! Então vamos seguir adiante. Pense num jeito de colocar a feira na sua rotina. Pode ser no sábado, depois do café da manhã na padaria, pode ser incluindo as crianças no passeio (olha a deixa para mostrar pras crianças que a alimentação da casa é responsabilidade de todos!). Quem preferir ir durante a semana pode tentar acordar mais cedo pode ir pra feira antes do trabalho. Quem horário de almoço flexivel pode pegar a xepa na feira perto do escritório e levar pra casa. E vale revezar com o pessoal de casa (cada um vai numa semana).

Época de…
E quando chegar à feira, fique de olho porque deve ter carambola por aí _ela é mais comum nos meses de janeiro e fevereiro. E dá um brilho especial a várias receitas – especialmente cortada em fatias, para que forme estrelas. Vai na água aromatizada, na caipirinha com maracujá, no clericot e na salada de frutas.

Durante esta semana, vamos falar de cada um desses aspectos um pouquinho. Vai ter um monte de dicas, de como encontrar a feira mais próxima de sua casa a como tirar melhor proveito das barracas! Então, o assunto está combinado: vamos de feira livre nesta semana aqui no blog!