Banner do Blog

Cocada, um clássico do tabuleiro

Imagem do post

Essa semana a gente já passou pelo acarajé como sugestão de entrada e pela frigideira de bacalhau, uma ótima pedida para o prato principal. O fim de semana se aproximando é a melhor desculpa para sugerir uma sobremesa: a cocada branca clássica. Assim como as primeiras, esta receita também está no livro A comida baiana de Jorge Amado, de Paloma Jorge Amado, lançamento da Editora Panelinha – e tema desta semana aqui no blog.

Dos tabuleiros das baianas, a cocada ganhou o Brasil e até fãs espalhados pelo mundo – faz tempo que ela deixou de ser popular apenas na Bahia. Adaptações também não faltam para essa receita. Tem gente que não dispensa o leite condensado, incrementa com abacaxi e adora a combinação com rapadura. A cocada da Paloma é aquela tradicional, com calda de açúcar e coco fresco, muito saborosa.

Deu vontade? Aprenda a fazer a cocada do livro A comida baiana de Jorge Amado


Veja mais do especial A Comida Baiana da Paloma:

Da Bahia para sua mesa: frigideira de bacalhau

Acarajé, o mais famoso dos tira-gostos

Lançamento da Editora Panelinha, A comida baiana de Jorge Amado reúne receitas citadas na obra do autor


Foto: Editora Panelinha

Receitas relacionadas
Categorias relacionadas

Aprenda a cozinhar

Livros da Rita Lobo