Banner do Blog

Pão quentinho sem sair de casa: é possível!

Imagem do post

Coisas simples, como ir à padaria logo cedo pegar o pão para o café da manhã, deixaram de fazer parte da rotina. E a própria rotina ainda está em fase de adaptação. Quem já é freguês de longa data do Panelinha, pelo menos, não está desesperado na cozinha. É o que vejo na redes sociais. Tem muita gente, mas muita gente, mesmo, preparando refeições gostosas e me marcando nas postagens. Mas também tem muita gente pedindo ajuda para resolver a equação pão quentinho sem sair de casa.

Claro que dá para preparar pães incríveis, mesmo com um forno caseiro. E tem receita no Panelinha e também os livros do Luiz Américo para quem quiser aproveitar a quarentena para se dedicar à panificação. Mas, para resolver de forma quase instantânea a falta de pão, amanhã, quarta-feira, vou mostrar, na live do meio-dia, o passo a passo da piadina, aquele pão chato feito na frigideira.
 

Rita, Help! Ajudo sim: tem piadina na live Rita ao vivo | Da cozinha de casa


 
Aliás, a piadina não é o único pão de chapa que você encontra no site. Tem também o chapati e naan, que são de preparo fácil e rápido. E que aguentam bem três dias em saco plástico fechado. Eles vão bem no café da manhã e também para servir acompanhando as refeições.
 
Veja a seguir outras ideias para garantir pão fresco, sem ter que ir todos os dias à padaria.
 

Congele!

Pode ser o pão da padaria. Compre a mais, corte na metade (como se fosse preparar um pão na chapa) e congele em um saco plástico bem fechado. No café da manhã, é só mandar para a frigideira (se não quiser que ele fique muito crocante, pode molhar as mãos e espalhar um pouco de água nas metades). Você também pode comprar o filão e congelar em fatias. Ou ainda, claro, fatiar o pão caseiro, que você aproveitou para preparar nesses tempos de quarentena!
 

Pão de fermento químico

Conhecido como soda bread, é um pão meio parente do bolo, porque leva fermento químico e é muito rápido de preparar. É misturar os ingredientes e levar para assar. Não é um pão que dura muito tempo. Mas é uma boa ideia para as famílias. Veja a receita Panelinha aqui: pão rápido integral.
 

E por que não alternar com tapioca ou cuscuz de milho?

De diversas regiões do Brasil vêm inspirações incríveis para variar o pão no café da manhã.


Temos o cuscuz de milho,  servido com manteiga (ou ovo pochê, se estiver precisando de dose extra de energia). E a receita de cuscuz de milho é ótima para esses tempos: vai farinha de milho flocada, água, sal e manteiga. 

 


Temos a tapioca, um clássico matinal que fica uma delícia com manteiga, mel ou queijo derretido! E também é a cara dessa época que estamos vivendo: é só hidratar o polvilho doce e pronto! Temos algumas receitas de tapioca no Panelinha, mas a de tapioca para um vale por um curso básico! Você nunca mais vai comprar aquela massa hidratada... 


Temos a mandioca cozida, um café da manhã bem comum no interior. Fica uma delícia servida com castanha-de-caju e manteiga de mel (e se você quiser adicionar um queijo minas grelhado, fique à vontade!). 
 

Transforme a cozinha em padaria

Agora, se você quer aproveitar a quarentena para mergulhar no assunto pão, então vem comigo!

 

Receitas: Padaria Panelinha! Um especial com receitas de pão, de acompanhamentos e de preparos que levam pão amanhecido.


Livros: Direto ao Pão e Pão NossoOs livros do especialista Luiz Américo Camargo são publicados pela Editora Panelinha. Direto ao Pão tem receitas para o dia a dia, com fermento biológico instantâneo seco, que você compra no supermercado. Pão Nosso é mais focado na fermentação natural e ensina a fazer seu próprio levain. Compre na Loja Panelinha.

 

Playlist: Pão Caseiro no canal Panelinha no YouTube. Tem entrevista com o Luiz Américo e mais quatro episódios de Rita, Help!, o S.A.C., serviço de atendimento ao cozinheiro, em que respondo às dúvidas dos leitores.